2011/05/20

Maio maduro Maio


Estamos em Maio - para mim o melhor mês do ano. Maio não precisava de fazer mais nada para que eu gostasse ainda mais dele. Maio é depois das águas mil, por isso tudo está verde vivo e há flores a cumprimentar o sol; Maio tem fruta vermelha; Maio tem os dias looooooongos mas não tão longos que não dêem saúde, nem façam crescer; Maio tem as janelas abertas; Maio tem esta temperatura que nos faz festinhas na pele recentemente desnudada depois de meses debaixo de pano; Maio tem os primeiros mergulhos do ano em que não nos vibram os ossículos dentro da cabeça... não, Maio não tinha de fazer mais nada... 

E não é que hoje de manhã ele decide me oferecer uma gentileza (palavra que vou usar muito) extra que convosco partilho: os jacarandás de Belém!
 
 
Bom inicio de semana!
Sfaia

5 comments:

Cláudia said...

Maio é tão bom, tão bom, que este jacarandá chega a ser excessivo! E tua foto também, Sofi. Obrigada!

sfaia said...

:)
bjñs Cai

contabandistas de estórias said...

Maio, maduro maio, quem te pintou?
foi o Sol lá no Sul
e foste tu também, Sofi
quem, com gentileza
o fotografou!

lu

sfaia said...

:)
bjñs Lu!

António Gouveia said...

Adoro jacarandás. Obrigado Sofi :)